segunda-feira , 4 julho 2022

Governador de SP inaugura Parque da Integração Zilda Arns

O Governador José Serra inaugurou neste sábado o Parque da Integração Zilda Arns. Localizado entre Sapopemba e São Mateus, zona leste da cidade, o parque fica sobre uma área linear onde estão aterradas as tubulações da adutora Rio Claro, da Sabesp, que abastece 1,4 milhão de pessoas e tem 77 quilômetros de extensão, dos quais 22 localizados na capital paulista.

O espaço foi planejado com o objetivo de preservar as faixas da adutora e garantir à comunidade dos bairros de Vila Prudente, Sapopemba e São Mateus mais conforto e segurança. O parque promoverá a melhoria na qualidade de vida das comunidades, disponibilizando espaços interativos de esporte, lazer e cultura. Além disso, facilitará o deslocamento entre os bairros contemplados e os do entorno, além da formação de área verde – item carente na região.

Mais de 300 mil pessoas serão diretamente beneficiadas. É o quarto maior parque linear do mundo, com 7,5 quilômetros de extensão, atrás apenas do Várzeas do Tietê – projeto do Governo de São Paulo, que prevê a construção de um parque linear de 75 km entre São Paulo e Salesópolis  -, Caminho Verde do Rio Platte (Denver, Estados Unidos), com 16 quilômetros, e o da Bacia Hidrográfica do Rio Don (Toronto, Canadá), com oito quilômetros.

O Parque da Integração Zilda Arns é também o décimo maior da cidade de São Paulo, com 224 mil m² de área. O projeto é fruto de uma parceria entre a Sabesp e a Prefeitura de São Paulo. No total, R$ 22 milhões foram investidos.

“Batizamos esse parque com o nome da Zilda Arns, uma grande médica, uma militante cristã, que fez mais do que ninguém pelas crianças do nosso País através da Pastoral da Criança. Portanto, é uma homenagem a alguém que ligou sua vida à vida da criança no nosso país e a gente sabe também que esse parque será desfrutado sobretudo pelas crianças”, disse Serra

O empreendimento é composto por pista para pedestres, ciclovia, equipamentos esportivos e de lazer para diversas faixas etárias. Também possui bicicletários, sanitários, quadras poliesportivas, canchas de bocha e malha, mesas para jogos de dama e xadrez, parquinhos para crianças, campos de futebol, pista para skate, postos para uso da Polícia Militar, praças e arenas para eventos. O parque é totalmente aberto, sem grades, e possui viveiro de mudas.

Atividades

A ONG Viva Sapopemba organizará, a partir das 9 horas, um torneio de futebol. O troféu será entregue pelas autoridades no palco em que ocorrerá a cerimônia oficial de inauguração do parque. A ONG SAT (Sociedade Amigos de Taiaçupeba) distribuirá mudas de árvores à população, ressaltando a importância da preservação do local. Oficinas e outras atividades físicas, como jogos de capoeira, também estão programadas.

Histórico do Projeto

A ideia da implantação do parque linear era uma antiga reivindicação das comunidades locais ao governo estadual, que inclusive participaram da idealização do projeto por meio de oficinas e pesquisas, debatendo o conceito do parque e escolhendo os equipamentos que seriam implantados nas áreas de lazer. A concepção do parque linear ficou a cargo da Escola da Cidade – Faculdade de Arquitetura e Urbanismo.

Zilda Arns

A homenagem a Zilda Arns será feita por meio de decreto estadual a ser assinado pelo governador José Serra dando nome ao parque. A pediatra e sanitarista Zilda Arns foi fundadora e coordenadora internacional das pastorais da Criança e da Pessoa Idosa, organismos de ação social da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB). Recebeu diversas menções especiais e títulos de cidadã honorária no país. Zilda Arns faleceu no dia 12 de janeiro de 2010, no Haiti, sendo uma das vítimas do forte terremoto que atingiu o país. Ela se preparava para uma palestra sobre a Pastoral da Criança, na Conferência dos Religiosos do Caribe.

Deixe um comentário

RSS
Follow by Email
Facebook
Twitter
YouTube