sábado , 31 julho 2021

Câmeras de Segurança no Monitoramento da Paulista

O prefeito Gilberto Kassab pôs em operação nesta sexta-feira (28) câmeras de segurança que a partir de agora farão o monitoramento dos 2.800 metros da avenida Paulista, da praça Oswaldo Cruz até a rua da Consolação, nos dois sentidos, incluindo pistas e calçadas. Parte do sistema de inteligência da Prefeitura para prevenir e combater a ocorrência de crimes na Cidade, as cinco novas câmeras que começaram a funcionar estão ligadas à central de monitoramento da Guarda Civil Metropolitana (GCM).

Na primeira fase do programa foram instaladas 35 câmeras em diversos bairros de São Paulo. A segunda etapa, iniciada nesta sexta-feira, prevê 64 equipamentos, entre os quais as cinco câmeras que já estão operando na Paulista. Em janeiro, a Prefeitura pretende instalar mais quatro câmeras, expandindo o monitoramento para a avenida Doutor Arnaldo até a esquina da rua Cardoso de Almeida (final do cemitério do Araçá).

A segunda etapa, no primeiro semestre de 2008, também contemplará a instalação de câmeras de segurança nos corredores formados pelas avenidas Consolação e Rebouças, até a altura da avenida Henrique Schaumann. No total serão 369 vias públicas monitoradas na Cidade.

As primeiras 35 câmeras foram postas em pontos estratégicos do Centro Histórico, Centro Novo, Vale do Anhangabaú, rua 25 de Março e bairro da Nova Luz, totalizando 96 vias públicas. O sistema reduziu em 15% ocorrências de ordem social, administrativa e policial. As imagens geradas pelas câmaras são compartilhadas com o Centro de Operações da Polícia Militar do Estado de São Paulo (Copom).

Em 16 meses de operação, foram flagrados diversos tipos de ocorrências, como acidentes de trânsito, atropelamentos, assaltos, consumo de entorpecentes e depredações. As imagens também possibilitaram a captura de foragidos da Justiça.

A Federação Brasileira de Bancos (Febraban) está patrocinando esta segunda fase, com R$ 3,8 milhões. A execução do sistema está a cargo do Grupo Telefônica.

Kassab acompanhou o início do monitoramento da avenida Paulista da sala da central de monitoramento da GCM. O prefeito de São Paulo disse que os novos equipamentos representam avanço para a segurança. “A Guarda Civil Metropolitana e a Polícia Militar estão integradas na operação desse programa que dará mais tranqüilidade a todos que circulam pela Paulista. E isso já incluirá o Reveillon na Paulista”, comentou Kassab.

O prefeito também anunciou que a região da avenida Paulista será patrulhada por 12 motocicletas e quatro viaturas da GCM. O coordenador de Segurança Urbana da Prefeitura, coronel Alberto Silveira Rodrigues, explicou que o papel da administração municipal na segurança pública é o de fazer a fiscalização administrativa e o atendimento a pessoas. Quando surgem ocorrências, a GCM aciona a Polícia Militar, que também recebe as imagens captadas pelas câmeras de monitoramento da Prefeitura. “No caso de um atropelamento com imagens captadas pelas câmeras, acionamos imediatamente uma ambulância”, exemplificou o coronel Alberto.

Para o sub-comandante da Polícia Militar do Estado de São Paulo, coronel José Roberto Martins Marques, as câmeras dão agilidade ao policiamento. “À medida que a GCM localiza um grupo de pessoas suspeitas ou uma atitude ilegal, eles passam para a Polícia Militar que pode flagrar a ocorrência de um crime”.

Monitoramento nas escolas municipais

Durante a entrega das novas câmeras, Kassab anunciou que 309 escolas municipais ganharão cerca de oito câmeras de segurança cada uma, num total de 2.472 equipamentos. “A licitação já está concluída. As escolas ficarão integradas às câmeras da GCM, o que irá garantir a segurança das instalações e dos alunos, professores e funcionários”, informou o prefeito.

Fonte: Prefeitura da Cidade de São Paulo

Deixe uma resposta

RSS
Follow by Email
Facebook
Twitter
YouTube